A VERDADEIRA PASCOA

Pr. Pedro S Neto

8/4/02

 

 

I - INTRODUÇÃO

 

            Atualmente a páscoa é comemorada de forma pagã. Temos visto que a religião pagã misturou conceito cristão com paganismo mais fábula. Sem contar que é um tremendo comércio, quando se vendem ovos (??) de coelho (???) de chocolate. Mas não vamos entrar nestas coisas por não ser o nosso objetivo. Quero apenas examinar a páscoa na visão bíblica.

 

 

II - A VERDADEIRA PASCOA  FOI  INSTITUÍDA POR DEUS

 

            Exodo 12: 1-8.

            Os ingredientes da páscoa eram: cordeiro, pão ázimo, ervas amargosas e sangue.

            O cordeiro representava Jesus, o verdadeiro cordeiro pascal (I Corintios 5: 7)

            Pão ázimo: representava o Pão que desceria do céu por nós e o corpo do Senhor (João 6: 33).

            As ervas amargosas: representavam a Palavra de Deus, que é doce como mel na nossa boca, mas amarga como fel em nosso ventre. Ou seja, quando nos alimentamos da Palavra Viva do Senhor, ela é doce como mel ao nosso paladar, mas quando desce ao nosso interior, amarga como fel, pois começa a queimar nossas iniqüidades, nossas transgressões. (Apocalipse 10: 9).

            Sangue: representava o sangue do Cordeiro de Deus que viria mais tarde. (João 1: 29; I João 3: 15).

            O povo de Israel celebra a páscoa do dia 14 ao 21 do primeiro mês do ano judeu. (II Crônicas 35:1; Esdras 6: 19).

           

II - A PÁSCOA DO POVO DE DEUS

            Jesus nos deixou a ordem de celebrarmos a ceia da forma como ele a celebrou. Como ele a celebrou?

            O Senhor Jesus tomou a páscoa com seus discípulos um dia antes de ser imolado, ou seja, na quinta-feira. Ele chamou essa páscoa de Ceia. Por isso, hoje nossa verdadeira páscoa é a celebração da santa ceia. (Lucas 22: 7-20).

            Portanto, a ceia foi a páscoa de Jesus com seus discípulos. (Lucas 22: 15)

            Jesus é o nosso cordeiro pascal ( I Coríntios 5: 7). Ele não tem fermento.

            Assim sendo, o cristão não celebra essa páscoa mundana e contrária com os ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo. A páscoa que o mundo celebra é recheada de paganismo e fábulas maquinadas por homens inspirados por espíritos contrários à Palavra de Deus (I Timóteo 4: 1, 2). Por isso, não podemos aceitar tal falso ensinamento.

 

III - CONCLUSÃO

            O verdadeiro cristianismo celebra a páscoa sempre que participa da ceia do Senhor, onde estão presentes todos os ingredientes da páscoa dos israelitas:

            - Cordeiro - Jesus se faz presente no nosso meio. (Mateus 28: 18)

            - Pão ázimo:  O pão da ceia é sem fermento e aponta para o corpo de Cristo. (I Coríntios 11: 23, 24);

            - ervas amargosas - A Palavra de Deus - (Apocalipse 10: 9);

            - Sangue: o vinho representa o corpo do Senhor ( I Coríntios 11: 25)

            Vamos, portanto, celebrar a nossa páscoa tomando a Santa Ceia do Senhor até que Ele venha. Amém.

 

Pastor Pedro S Neto

pastorpedro@terra.com.br